Wiki Bíblia
Advertisement

"Não sei; porventura sou eu guardião de meu irmão?"
— Caim, Genesis 4:9

Caim (hebraico: קין) foi o primeiro filho de Adão e Eva e foi o irmão mais velho de Abel e de Sete. Caim, diferente de seu irmão, era um homem rebelde, que após Deus ter reprovado seu sacrifício, resolveu matar seu próprio irmão, se tornando o primeiro assassino e primeiro ser humano pecador realmente perverso.

Aparência Física[]

Não sabe quase nada a respeito da aparência física de Caim, exceto o fato de que ele ganhou uma marca na sua pele um tanto peculiar e única feita pelo próprio Deus após ele ter matado seu irmão Abel. Marca essa que ele carregou até o dia de sua morte.

História[]

Antes do Assassinato[]

Caim foi o primeiro ser humano nascido de gravidez, resultado das relações sexuais de Adão e Eva. Adão e Eva instruíram-no no caminho da verdade, mas também lhe contaram sobre seu passado e vida no Jardim do Éden. Algum tempo depois de seu nascimento, também nasceu Abel, bem como outros irmãos e irmãs.

Em certa ocasião, Caim e Abel apresentaram ofertas a Deus. Caim apresentou os melhores frutos de sua lavoura, enquanto Abel ofereceu os primogênitos de seu rebanho e sua gordura. Deus viu o coração de cada um e Ele se agradou mais da oferta de Abel do que da de Caim, o que fez com que o semblante deste caísse. Vendo isso, Deus disse a Caim: "Por que está abatido o teu semblante? Se praticares o bem, sem dúvida alguma poderás reabilitar-te. Mas se precederes mal, o pecado estará à tua porta, espreitando-te; mas, tu deverás dominá-lo."[1]

Assassinato[]

Possesso de ciúme, Caim chamou seu irmão para falar com ele no campo, quando chegaram ele o matou. Deus confrontou Caim, questionando-o retoricamente sobre seu irmão. Ao responder, Caim mentiu, dizendo que não sabia de seu paradeiro. Ele afirmou sarcasticamente que não estava no comando de seu irmão e não era responsável por ele. Deus então relevou a Caim que a morte de Abel era conhecida. Como punição por seus atos, a terra não lhe daria mais e ele foi forçado a vagar de local para local. Caim disse a Deus que seu castigo era demais para suportar e que o primeiro que o encontrasse como nômade o mataria. Deus então impôs-lhe uma marca para que aquele que o visse soubesse quem era e que não deveria matá-lo.[2]

Depois disso, Caim fugiu de sua família e partiu com sua esposa para viver em outro lugar, separado de sua família, e se estabeleceram a leste do Éden, na terra de Node.[3] Lá, a mulher de Caim concebeu e deu à luz a Enoque, e construiu uma cidade, a que nomeou em homenagem a seu filho.

Caim possivelmente também se tornou o primeiro governante da cidade, e possivelmente de toda a terra de Node, de modo que não era mais necessário que ele plantasse ou colhesse, mas ele poderia conseguir alimento e frutos provindos dos tributos que os habitantes dessa cidade (seus descendentes) lhe deveriam.

Assim, Caim viveu ali e se afastou ainda mais de Deus. Ele não se arrependeu de ter matado Abel, mas deixou de seguir a Deus e guardar Sua lei, preferindo viver conforme sua própria vontade. Seus descendentes, que habitaram a Terra de Node e tornaram esse o maior centro urbano da terra, também viveram da seguintes forma.

Caim viveu durante muitos e muitos anos e liderou sua descendência, enquanto seu irmão mais novo, Sete, liderava seus descendentes e guiava-os na adoração de YHWH. Eventualmente, Lameque, seu descendente matou-o sem saber quem ele era, e matou também um rapaz:

Eu matei um homem porque me feriu, e um menino, porque me machucou.[4]

Assim encerrou-se a vida de Caim, o primeiro humano nascido, o primeiro assassino e o primeiro construtor de cidades.

Legado[]

O pecado de Caim seria condenado para sempre nas instruções dadas a Noé. Antes disso, porém, podia-se esperar restituição do mesmo tipo - morte nas mãos de amigos e familiares do assassino. Lameque zombou de Deus com a percepção de indulgência em relação ao assassinato, dizendo que qualquer um que tentasse se vingar dele sofreria setenta vezes sete. Como resultado dessa atitude, o assassinato tornou-se comum na terra, espalhando-se também pela descendência de Sete.

Além disso, Caim fundou a primeira cidade. Com o passar do tempo, a Terra de Node se tornou uma terra próspera, centenas de milhares de habitantes, todos seus descendentes. Também foram seus descendentes que criaram a metalurgia, a música e também os primeiros nômades.

Ninrode baseou-se nas atitudes e na forma de governo de Caim para fundar o primeiro reino do mundo e se tornar o primeiro rei da história, ao fundar a Babilônia. Ou seja, praticamente toda a estrutura política e existência de municípios que existem hoje em dia, junto com a criação dos impostos, devemos tudo graças a Caim, que foi o idealizador de tudo isso. Isso mostra que mesmo ele sendo um homem mau, mesmo ele tendo feito atos horríveis e sendo o precursor do homicídio, ele também fez coisas boas e muitas das coisas boas que temos hoje, muitos do pilares e bases da nossa sociedade contemporânea atual se devem graças à ele.

Trivia[]

  • Ele foi o primeiro ser humano a nascer com pecado e foi o primeiro ser humano a nascer mortal.
  • Caim também foi o primeiro ser humano a ser realmente mau e praticar deliberadamente a maldade sem nenhum sinal de arrependimento. Ele foi o primeiro assassino e possivelmente o primeiro político que tivemos na história da humanidade.
  • A Bíblia não nos fala o nome da esposa de Caim e nem quem ela é. Contudo, levando em conta que Adão e Eva tinham vários outros filhos e filhas, ele pode ter se casado com alguma irmã ou sobrinha.
  • Caim construiu a primeira cidade, foi o primeiro habitante da Terra de Node e foi o primeiro ser humano a deliberadamente recusar-se a obedecer à Deus, embora reconhecesse Seu poder e Sua existência.

Referências[]

  1. Gênesis 4:3-7
  2. Gênesis 4:8-15
  3. Gênesis 4:16
  4. Gênesis 4:23
Advertisement